Diferença entre agência digital, tradicional, de marketing digital e como cada uma delas pode te ajudar

Diferença entre agência digital, tradicional, de marketing digital e como cada uma delas pode te ajudar

Negócios
13/08/2019

Desde a chegada da internet, ouvimos cada vez mais essas modalidades/formatos de empresas: agência digital, agência de marketing, agência de marketing digital, consultoria. Dando uma passada de olho nos nomes, parecem todas iguais, mas na essência, pelo menos como definição, elas são diferentes.

Para explicar de fato quais são as diferenças, preciso contextualizar a chegada dessas novas modalidades de serviço. 

Antes da internet, tínhamos o chamado ‘fazer fumaça’, que é o que muitas empresas ainda fazem. Anunciar, fazer barulho, gerar movimento e burburinho.

Ainda nesse momento, empresas maiores já usavam estratégias de marketing que manipulam os pilares dos produtos/serviços para vender mais, o que conhecemos como 4 Ps: preço, produto, promoção e praça.

Com a chegada da internet e a democratização da informação, as empresas começaram a usar a rede para dar mais visibilidade aos negócios, criando um canal poderoso de comunicação e relacionamento.

Com o amadurecimento desse canal (se é que podemos dizer que já está maduro), os usuários passam a ter mais informações para decisão de compra e espaço para expor suas necessidades, o que muda o comportamento de consumo, tornando o processo de vendas mais consultivo. Isso exige mais dos vendedores, que precisam entender a dor do cliente e o momento certo de cada de venda.

É nesse contexto que entram as novas modalidades de empresas de comunicação e marketing: as agências digitais ou de marketing digital. Elas surgiram para auxiliar empresas que perceberam a existência de um novo ambiente para gerar negócios (a internet), mas não sabem como atuar de forma efetiva nesse meio.

Feita a contextualização, vamos às diferenças e peculiaridade de cada uma.

Agência tradicional

diferenca agencia digital tradicional marketing digital gatilho madmem
Imagem da série Mad Men, série de TV que mostra o dia a dia de uma agência tradicional de publicidade. Créditos: AMC.

Ou agência de publicidade e propaganda, ou full service. Existem outras nomenclaturas e definições para esse modelo, mas basicamente elas prestam serviços de comunicação e marketing para empresas.

O formato clássico de agência consiste nos seguintes departamentos ou divisões:

  • atendimento: faz a ponte com clientes;
  • planejamento: pensa e estrutura as ações;
  • mídia: compra, planeja e cuida da verba de campanha;
  • criação: pensa e executa as ideias, faz a coisa acontecer.

Esse formato é o mais comum e geralmente costuma fazer um pouco de tudo dentro do universo de comunicação e publicidade. Porém, dependendo do talento do time ou dos seus fundadores, tende a dar mais atenção a questões específicas, como varejo, design, promoção, eventos, planejamento, mídia de massa, entre outros.

Como ela pode ajudar

Dependendo da especialidade, essas agências podem se envolver desde a concepção da marca até o lançamento. 

Com a chegada da internet e também com a abertura de outros modelos de negócios em comunicação e marketing, esse formato de agência tem rebolado para conseguir quantificar resultados, já que a estrutura de mídias clássicas se pulverizou e o comportamento do usuário mudou com a chegada dos canais digitais.

Mas se você precisa encontrar aquelas sacadas criativas e desenvolver campanhas em meios tradicionais (TV, rádio, outdoor, impressos) para seu negócio, a agência tradicional pode dar uma boa resposta.

Agência de marketing digital

Esse modelo é bem recente e surgiu na onda da internet. A estrutura se baseia em ações que utilizam os canais digitais para geração de demandas e vendas para as empresas. 

Com a popularização dos smartphones e a democratização da internet banda larga. Esse modelo de atuação ganhou muita força nos últimos tempos.

diferenca agencia digital tradicional marketing digital gatilho etapas mkt digital

Agências de marketing digital utilizam algumas técnicas e práticas para atrair, converter, vender, relacionar e fidelizar clientes:

  • SEM/SEO;
  • marketing de conteúdo;
  • inbound marketing;
  • campanhas pagas;
  • email marketing;
  • mobile marketing;
  • redes sociais.

Como ela pode ajudar

Como esse modelo se baseia em atração de tráfego para um site ou um canal digital. Se você precisa vender online, esse modelo de agência pode ajudar a entender o comportamento de busca e demanda para produtos e serviços.

Agências de marketing digital conseguem (ou deveriam) monitorar os dados de praticamente todas as ações, ficando mais fácil entender o que está dando certo e reagir com agilidade aos dados.

Agência digital

Pode parecer similar, mas essa modalidade se difere um pouco da anterior e aqui vou falar da minha experiência profissional e de como atuamos aqui na Gatilho, que se encaixa no modelo de agência digital.

Na mesma linha do marketing digital, esse desenho de negócio tem seus esforços concentrados para gerar resultado através de canais digitais. Porém, pelo menos aqui na Gatilho, temos o foco um pouco mais aberto nos processos antes do ‘porta para fora’.

diferenca-agencia-digital-tradicional-marketing-digital-gatilho-search-console

O envolvimento no negócio do cliente e processos de diagnóstico e estratégico dão o tom de toda a atuação da marca no ambiente online. Podendo, inclusive, convergir com ações que começam no offline e terminam no digital.

Algumas ferramentas, técnicas e práticas utilizadas:

  • estratégias digitais;
  • ativação de marca (ou lançamento);
  • definição de brand persona (personalidade da marca);
  • produção de conteúdo (branded content);
  • produtos digitais (sites, blogs, portais, plataformas);
  • inbound marketing;
  • marketing de conteúdo;
  • campanhas pagas;
  • estratégias e gestão de mídias sociais;
  • calendário de ações.

Como ela pode ajudar

Agências com esse formato têm sua base estratégica construída em números e objetivos. Para quem gosta de dados e de uma atuação mais focada em estratégia e planejamento, é uma boa opção.

Os resultados passam não só pelo aumento na demanda, que é sempre o objetivo principal. Mas também, por uma maior autoridade e presença da marca, criando vínculos e relacionamentos entre empresas e consumidor.

diagnostico-maturidade-digital-gatilho

Conclusão

Esses modelos de agências podem variar dependendo do mercado em que estão inseridos, do perfil dos seus colaboradores e das demandas que lhes são repassadas. 

Nenhum exemplo acima é regra, tendo agências tradicionais que fazem um bom trabalho nos dois segmentos (online e offline) e agências digitais que também executam boas campanhas ou estratégias de marca.

E aí, ficou claro como cada modelo pode contribuir com o seu negócio? Se quiser entender mais sobre o assunto, acione a Gatilho.

Juliano Trentin

Co-fundador da Gatilho, publicitário, pós-graduado em branding, torcedor da Chape e pai do Vicente.

Voltar aos posts

como está seu negócio no ambiente digital?

teste agora