Redes sociais: como usá-las em 2020

Redes sociais: como usá-las em 2020

Redes Sociais
26/12/2019

Uma das coisas mais faladas nos últimos anos, foi sobre a utilização das Redes Sociais, mas você sabe como usar elas em 2020?

Mais um ano está começando. Nesta época, que, para empresas, é de começar a colocar prática os planejamentos e estratégias, é também, hora de olhar para as tendências do marketing digital

Por isso, neste artigo, trazemos algumas dessas tendências e dicas de como usar as redes sociais em 2020. Afinal, atualmente, esses canais são importantes para a maioria dos negócios. Acompanhe!

7 dicas para usar as redes sociais em 2020

1. Preocupação com a privacidade

Depois de escândalos como o da Cambridge Analytica, empresa que violou dados de usuários do Facebook, a preocupação de quem usa as redes sociais com a proteção de dados aumentou.

No Brasil, a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPDP) passa a vigorar em agosto de 2020, fazendo com que empresas também se preocupem com a maneira com que tratam os dados dos consumidores na internet.

Por conta disso, uma das tendências de redes sociais para 2020 é a preocupação com a privacidade.

Não só nas redes sociais, como na internet de forma geral, é importante assegurar que sua empresa não está infringindo a nova legislação no que diz respeito ao uso dos dados dos usuários.

2. Conteúdo em vídeo

Certo, o vídeo não é nenhuma novidade de 2019 ou 2020. Há anos esse formato de conteúdo é apontado como tendência e, atualmente, pode se dizer que já é realidade nas redes sociais.

Mas é sempre bom lembrar, mesmo porque a tendência é que, em 2020, o vídeo seja responsável por 75% do tráfego de dispositivos móveis, de acordo com um estudo da Cisco.

Sendo assim, se você ainda não apostou no formato, não tem mais desculpa para começar, não é?

receitas de marketing digital: redes sociais

3. Automação e chatbots

Sua empresa já usa chatbots?

Com cada vez mais consumidores nas redes sociais, contar com um robozinho para responder mensagens e tirar dúvidas pode se tornar uma necessidade.

Com a automação e os chatbots, você consegue responder rapidamente e evita perder negócios. Hoje, essas ferramentas já conseguem simular conversas que parecem humanas.

Pode ser que no futuro até consigam fechar vendas enquanto você dorme!

4. Comunidades e grupos

Falar em comunidade à beira de 2020 parece uma nostalgia de quem usava o finado Orkut.

Mas a verdade é que, depois da era das selfies e das páginas públicas, parece que a internet está se voltando para dentro.

A tendência vai ao encontro do que falamos no primeiro item deste artigo: as pessoas estão buscando mais privacidade online.

O Facebook, por exemplo, captou a tendência, que deve se manter no próximo ano, e fez anúncios dos seus grupos em mídias tradicionais, como ponto de ônibus e rádios.

Mas como sua empresa pode participar?

A dica é estar presente nesses espaços fechados de discussão — como os grupos do Facebook e do LinkedIn — que tenham relação com o seu negócio.

5. Transmissões ao vivo

Dá para fazer live no YouTube, no Facebook, no Instagram e até no LinkedIn.

É claro que tudo isso demonstra uma tendência de consumo de conteúdo ao vivo: é engajador, pessoal, divertido e pode ser a oportunidade que faltava para você se aproximar da sua audiência. 

Para ajudar, muitas redes sociais ainda enviam uma notificação para o usuário quando tem uma transmissão acontecendo, o que chama a atenção para o seu conteúdo e aumenta o engajamento.

Se você já faz outros conteúdos em vídeo ou áudio, como webinars e podcasts, que tal adaptá-los para o formato da live e alcançar mais pessoas?

6. Engajamento

Por falar em engajamento, ele deve ser uma das prioridades das suas redes sociais em 2020.

Mais do que curtidas e número de seguidores — as famosas métricas de vaidade —, é o engajamento que demonstra que as pessoas estão realmente interessadas no seu conteúdo. 

Com a facilidade de comprar likes e seguidores, os algoritmos têm focado no quanto o seu público engaja com o seu conteúdo, levando em consideração, por exemplo, comentários e compartilhamentos. 

Para estimular essa forma de interação, uma dica é fazer perguntas para estimular o engajamento nos seus posts.

E, mais uma vez, apostar nas transmissões ao vivo, com as quais os usuários interagem mais.

7. TikTok

Não tem como falar de redes sociais atualmente sem mencionar o TikTok.

O app chinês estourou neste ano: já são 500 milhões de usuários ao redor do mundo, e o número continua crescendo. 

Em 2020, a expectativa é que as empresas adentrem também nessa plataforma para se aproximarem do público, que é majoritariamente jovem e adolescente.

Pode parecer algo distante da sua empresa agora, mas vale ficar de olho!

E você, quais suas apostas para 2020 nas redes sociais?

Deixe o seu comentário e continue acompanhando o blog da Gatilho para ficar por dentro de outras novidades!

Ou, acione a Gatilho para saber como podemos te ajudar e pensar a sua estratégia para redes sociais em 2020.

Juliano Trentin

Co-fundador da Gatilho, publicitário, pós-graduado em branding, torcedor da Chape e pai do Vicente.

Voltar aos posts

como está seu negócio no ambiente digital?

teste agora